PARALISAÇÃO

PARALISAÇÃO

segunda-feira, 1 de setembro de 2014

PARALISAÇÃO - ORIENTAÇÕES

Solicitamos de todos os servidores que estarão participando de nossa Assembleia Geral no dia da Paralisação que levem consigo cópias dos seguintes documentos: RG, CPF, COMPROVANTE DE RESIDÊNCIA, TRÊS ÚLTIMOS CONTRACHEQUES. Esses documentos serão utilizados pelo setor jurídico nas ações que visam garantir o direito dos trabalhadores da educação. Lembramos que a entrega dos documentos será de responsabilidade de cada servidor público que deverá entregá-los pessoalmente no dia da assembleia à coordenação.
APLB SINDICATO

PARALISAÇÃO / CONVOCAÇÃO

A APLB - Delegacia das Orquídeas com sede em Várzea Nova de acordo com a decisão da categoria, convoca todos (as) os (as)  Trabalhadores (as) em Educação Municipal de Várzea Nova para um dia de Paralisação que ocorrerá na próxima quinta-feira (04/09/14), com concentração na sede do Sindicato a partir das 8h e realização de uma Assembleia Geral às 9h  da manhã, para tratarmos de assuntos referentes a nossa pauta de reivindicações. Nossa Paralisação terá o tema: PARAMOS HOJE PORQUE NOSSA CARREIRA ESTÁ PARADA A MUITO TEMPO.

A Coordenação
Gedeão Fraga de Morais

Observação: Publicaremos a nossa agenda de ações nesse dia de mobilização da rede municipal.

ANIVERSARIANTES

HOJE QUEM COMPLETA IDADE NOVA É NOSSA RECENTE COLEGA JULIANA DA SILVA BONFIM ALVES. PARABÉNS! MUITA SAÚDE, PAZ E SUCESSO NESSA NOBRE CAMINHADA.

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

terça-feira, 26 de agosto de 2014

EX-DIRETOR DO CEJSO É CACIQUE INDÍGENA

Juvenal Payaya (primeiro à esquerda)
Durante o evento sobre a implantação da UFCD (Universidade Federal da Chapada Diamantina) em Morro do Chapéu o professor Gedeão teve o prazer de reencontrar o ex-diretor do Centro Educacional João de Souza Oliveira o professor e atual cacique de uma comunidade indígena na cidade de Utinga Juvenal Payaya. O último encontro com nosso ex-diretor tinha acontecido na Semana de Arte de Utinga em 2004 quando o cacique presenteou o professor Gedeão com o livro Ilíada de Homero. No dia de hoje tive o prazer de reencontrá-lo e saborear um pouco de seus conhecimentos hoje voltados para a preservação da cultura indígena na região e convidá-lo a voltar a Várzea Nova para rever a comunidade e quem sabe nos ajudar a sensibilizar nossa população no sentido de preservação de suas memórias e de seu meio ambiente. O cacique Juvenal Payaya foi diretor do CEJSO entre a primeira e a segunda metade dos anos 80.
Gedeão Morais

Confira abaixo uma matéria sobre a comunidade Payaya de Utinga.

Produção de mudas gera renda para índios Payaya em Utinga
Uma unidade de produção de mudas implantada na comunidade indígena de Payaya, no município de Utinga, Território da Chapada Diamantina, vem se consolidando, efetivamente, como atividade geradora de emprego e renda para dezenas de famílias que, antes, sem perspectivas econômicas, eram obrigadas a sair de sua região em busca de alternativas de trabalho em outros municípios e estados do país.
O projeto, que vem mudando a realidade dos índios Payaya, é executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa da Secretaria estadual de Desenvolvimento e Integração Regional (Sedir), no âmbito do Programa de Combate à Pobreza Rural (PCPR)/Produzir. A atividade, desenvolvida com empenho pela comunidade, inclui desde a coleta de sementes de árvores nativas e espécies em processo de extinção ao reflorestamento da Chapada Diamantina.
De acordo com o cacique Juvenal Payaya, o projeto “já está criando raízes e transformando a realidade do povo Payaya de Utinga”. Ele diz que a comunidade que viu, por séculos, seus filhos e irmãos partirem dessa região para sobreviver, vive um momento de esperança. “Quem partiu e esperava um dia voltar já tem a possibilidade ver esse sonho virar realidade”, salienta.
O líder indígena conta ainda que com a chegada da água, do viveiro e de toda a estrutura, quatro famílias já passaram a morar mais próximo à unidade. “Agora já é possível fixar as famílias nessa região, que sempre pertenceu a nossos ancestrais. Esse projeto nos permite programar um futuro para nossos filhos”, destaca.
O responsável pela Unidade de Produção de Mudas, Oto Payaya, lembra que, durante muito tempo, o povo Payaya saía da comunidade em busca de emprego para conseguir sobreviver, produzindo e comercializando artesanato ou atuando com outras profissões. “Com a chegada do projeto vai ser possível voltar a viver na região, trabalhar e construir uma nova vida”, ressalta.
Para que a Unidade de Produção de Mudas pudesse ser consolidada, foram incluídos no projeto a implantação de um sistema de abastecimento de água, um viveiro coberto com tela, com capacidade de produção anual de 100 mil mudas, um viveiro a céu aberto para rustificação das mudas, a construção de sanitários masculino e feminino, um sistema de irrigação automatizado para a área dos viveiros e a aquisição de 100 mil sacos para mudas.
Outros benefícios
Com a conclusão do projeto, que foi pensado para atender as necessidades da comunidade, visando o melhor custo benefício, a água, elemento indispensável para o sucesso da iniciativa, passou a ser captada do Rio Utinga, bombeada para o reservatório com capacidade de 100m³ e distribuída por gravidade para a aldeia, alimentando os sistemas de irrigação do viveiro e as demais instalações da unidade.
Destacam-se, entre os benefícios trazidos pela implantação da Unidade de Produção de Mudas, o reflorestamento da Chapada Diamantina, o cultivo de ervas medicinais, tradicionalmente usadas pelos povos indígenas, o uso, em potencial, para paisagismo e jardinagem e para a agricultura familiar, visando a própria subsistência e comercialização da produção excedente.
Valnira Payaya, moradora da comunidade, fala da importância de trabalhar com as ervas medicinais e do aumento gradativo da produção de plantas para esse fim. “Estamos cultivando plantas como Alho Japonês (Nirá), Cebolinha, Pata de Vaca, Hortelã, Alecrim, Babosa, Hisbisco e Tansagem, que, usadas com o devido cuidado, podem tratar de problemas de saúde como o diabetes, processos inflamatórios e gripe, entre outros”, diz.
A Unidade de Produção de Mudas já possui sementes como as de Açoita Cavalo, Pau Ferro, Barbatimão, Umbaúba, Umburana de Cambão, Tamboril, Jenipapo, Mutamba, Jatobá do Serrado, Murta, Olho de Cabra, Canafístula, Saboneteira, Sucupira de Caatinga, Maniçoba, Mulungu, Aroeira, Jabuticaba, Tento, Flamboyant ou Acácia, Moringa, Jambo Branco e Arruda.
 Fonte: www.car.ba.gov.br

EVENTO EM MORRO DO CHAPÉU

Na manhã dessa terça-feira (26/08) o professor Gedeão Morais esteve presente a um importante evento na vizinha cidade de Morro do Chapéu que tratou da implantação da UFCD (Universidade Federal da Chapada Diamantina) e que teve como lema "Mobiliza UFCD Morro". Mesmo tendo convidado alguns profissionais da educação para participar do singular momento representando nossa cidade e não obtendo êxito o professor e coordenador da APLB Sindicato esteve na condição de professor e representante sindical de Várzea Nova. Compreendemos que a vinda da UFCD para nossa cidade vizinha será uma oportunidade única de oportunizar os nossos jovens que concluem o Ensino Médio estarem cursando o Ensino Superior próximos à sua terra natal e trazendo para essas comunidades mais conhecimento e desenvolvimento. Estavam presentes autoridades, educadores, alunos, movimentos sociais de diversas cidades da região, que mostraram-se empenhados em um mesmo sonho que é o de tornar a UFCD uma realidade. Mesmo sabendo que Várzea Nova pertence ao Território do Piemonte da Chapada Diamantina que abrange outros municípios compreendemos que temos uma identidade com nossos vizinhos da Chapada Diamantina, dessa forma, todas as conquistas dessas cidades poderão nos beneficiar e alavancar nosso desenvolvimento.

segunda-feira, 25 de agosto de 2014

AGENDA DA SEMANA - 25 a 29/08

TERÇA-FEIRA - Evento sobre a Implantação da UFCD (Universidade Federal da Chapada Diamantina) em Morro do Chapéu - ÀS 09h;

QUARTA-FEIRA - PLANTÃO NA SEDE (PELA MANHÃ);

QUINTA-FEIRA - PLANTÃO NA SEDE (A TARDE);

SEXTA-FEIRA - PLANTÃO NA SEDE (PELA MANHÃ);

Observação: Essa semana será realizada mais um encontro para tratar do Estatuto com a Comissão. 

ANIVERSARIANTES

Quem completa idade nova hoje são os nossos colegas professores Gedeão Morais e Sueli Santos. PARABÉNS!! MUITA SAÚDE E PAZ.

quarta-feira, 20 de agosto de 2014

ANIVERSARIANTES

Nessa quinta-feira (21/08) quem completa idade nova é nossa colega professora Mônica Montenegro da Silva ou simplesmente "Andréia". PARABÉNS! MUITA SAÚDE E PAZ.

Conselheiros de alimentação escolar devem renovar cadastros

Já está disponível no site do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) a listagem com a situação dos Conselhos de Alimentação Escolar vencidos até 31 de julho de 2014 e a vencer em agosto e setembro de 2014.
Segundo a coordenadora de educação e controle social do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), Jordanna Costa, é importante que os gestores e conselheiros da alimentação se mobilizem em seus municípios para renovação dos conselhos. Isso evita que haja bloqueio do repasse dos recursos do FNDE.
A coordenadora ainda esclarece que assim que todos os membros dos conselhos estiverem eleitos, a entidade executora deverá cadastrá-los no CAE Virtual, disponível no site do FNDE. A senha do sistema pode ser obtida no 0800-616161 ou no e-mail senha.institucional@fnde.gov.br.
Autor: FNDE

terça-feira, 19 de agosto de 2014

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

sexta-feira, 15 de agosto de 2014

SAÚDE FINANCEIRA - ORÇAMENTO

Para onde vai o seu dinheiro?

Uma sensação frustrante e bastante comum é observar o extrato bancário e notar que, rapidamente, o salário depositado parece desaparecer. Saber para onde vai seu dinheiro é essencial para quem deseja economizar e colocar a casa em ordem. Em geral, as pessoas bem-sucedidas financeiramente são aquelas que têm um controle de suas contas e sabem para onde vai boa parte do dinheiro gasto.
O levantamento de suas receitas e despesas deve se tornar um hábito para quem quer garantir boa saúde financeira. Os resultados serão ainda melhores, se toda a família participar!

Faça do orçamento um aliado

A melhor forma de evitar problemas financeiros é a prevenção. É nesta hora que fica clara a importância de montar um orçamento para fazer o acompanhamento da situação financeira. Quanto antes você entender sua realidade financeira, mais fácil será identificar o caminho que mais lhe faça sentido. Sempre leve em consideração que o que você faz hoje terá conseqüência no futuro, de forma que uma aposentadoria tranquila começa com um bom planejamento prévio. Quanto antes você começar, menor será o esforço necessário

Elabore sua planilha de orçamento

Montar uma planilha de orçamento é um passo importante no rumo certo de planejamento financeiro eficiente. E, nessa hora, vale a pena preparar uma ferramenta que reflita os seus padrões de renda e consumo. Afinal, a planilha tem que refletir o seu orçamento, e não um modelo padrão que não atenda às suas necessidades. Lembre-se: dificilmente duas pessoas ou famílias terão planilhas de orçamento iguais. Use sua criatividade e adapte a ferramenta às suas necessidades

Comece pelas receitas

Ao contrário do que muitos pensam, os dados referentes à receita são o ponto de partida para se iniciar uma planilha do orçamento. Na hora de preparar a parte referente às receitas, é importante segregar as diversas categorias. Você pode começar pelas receitas de trabalho, como salários, décimo terceiro, horas extras, comissões, férias e bonificações. A seguir, você pode considerar as receitas com investimentos, que incluem juros recebidos, ganhos de capital e dividendos. Caso seja relevante, crie também uma categoria para rendimentos de aposentadoria. Outras categorias que podem ser incluídas são: devolução de impostos, devolução de pagamentos, ganhos com loterias, pensões recebidas e prêmios de seguros.

Hora de listar as despesas

Depois das receitas, chega a vez das despesas. Para facilitar a visualização, você pode ordenar as diversas categorias de despesas por ordem alfabética. As cinco primeiras são: alimentação, aluguel, animal de estimação, automóvel (combustível, manutenção, equipamentos, seguros e outros) e contas a pagar (água e esgoto, condomínio, eletricidade, gás, internet, lixo, telefone fixo, telefone celular, TV a cabo, outros). A seguir, você pode criar categorias para despesas com bens de consumo (eletrodomésticos, informática, telefone etc.), despesas com filhos (babá, educação, lazer, roupas, saúde e outros), despesas domésticas (funcionários, itens de decoração, lavanderia, manutenção, reformas e seguro residencial), despesas financeiras (juros, anuidade de cartão), despesas pessoais (incluindo seguros pessoais), diversos, doações, férias (acomodação, aluguel de carro, passagens, outros) e impostos. Para completar, utilize categorias como lazer, presentes, retiradas para pequenas despesas, roupas, pensões a pagar, saúde (dentista, exames, hospital, médicos, planos de saúde, remédios) e tarifas bancárias.

Atenção aos gastos extras

Na hora de montar o orçamento, um erro comum das pessoas é esquecer ou dar um peso pequeno para as despesas extraordinárias. Afinal, por não serem previsíveis, torna-se complicado traçar uma perspectiva de quanto será gasto com isso no futuro. No entanto, apesar dessa dificuldade, todo mundo deve estar pronto para enfrentar as despesas não planejadas. Elas podem ser de várias formas, desde um tratamento dentário inesperado até uma despesa com mecânico após trafegar em uma estrada esburacada.


quinta-feira, 14 de agosto de 2014

ATENÇÃO! SAÚDE FINANCEIRA, ATENÇÃO ÀS DICAS...

   

Cada vez mais nos preocupa a saúde financeira de nossos servidores, sabendo que a falta de planejamento tem causado muitos problemas a colegas servidores e de como essa situação acaba interferindo em nossa vida pessoal e profissional, estaremos a partir de hoje postando algumas dicas para que você possa planejar melhor suas finanças. Fique atento às dicas que serão postadas aqui em nosso espaço.

Para começar, defina suas metas

Todos nós temos metas e objetivos em nossas vidas. Porém, nem sempre pensamos na melhor forma de alcançá-los. Com o passar do tempo, eles podem se tornar cada vez mais distantes, justamente pela falta de planejamento. Ciente disso, que tal reverter a situação? Fique atento ao passo a passo e bom trabalho!

1. Estabelecer metas é o primeiro passo
Conhecer o seu objetivo e planejar como atingi-lo é fundamental. Quando você pretende ir a algum lugar sem saber o caminho, o mais fácil é analisar um mapa e traçar um plano de como chegar. Na hora do seu planejamento financeiro, algo semelhante deve acontecer. Traçar metas lhe facilita atingir seus objetivos financeiros, da mesma forma que analisar um mapa, traçando uma rota adequada, permite que você chegue mais rápido e com segurança ao seu destino final.

2. Na hora de planejar, mantenha o foco
Ser objetivo e ter um foco claro são atitudes que ajudam na hora de tomar qualquer decisão. Seja no ambiente familiar, escolar, profissional ou social, saber como priorizar e como manter o “olho na bola” pode fazer a diferença. Isso se aplica também na hora de estabelecer metas para o seu planejamento financeiro. Para que sua meta não se perca em meio a tantas outras, é importante ir direto ao ponto: procure identificar parâmetros específicos, que tornem mais palpável a sua meta. Não adianta buscar algo que nem mesmo você consegue definir.

Fonte: salvadorcity.com.br


ANIVERSARIANTES...

Quem está apagando uma velinha hoje é a nossa colega Jeany Dias Rios. PARABÉNS!! MUITA SAÚDE E PAZ.
A COORDENAÇÃO

terça-feira, 12 de agosto de 2014

Várzea Nova: APLB E BANCO DO BRASIL

Na última semana o coordenador da APLB Sindicato esteve na agência do Banco do Brasil para agendar uma reunião com a gerência da instituição bancária, em pauta estará a situação de nossos servidores no que tange ao comprometimento de seus vencimentos com empréstimos e outras linhas de crédito disponibilizadas pelo banco. Tendo sido procurados por servidores e preocupados com a saúde financeira de nossos filiados estaremos na próxima semana nos reunindo com representantes do banco para compreender por que alguns servidores alegam ter mais de 30% de sua renda com prestações, sabendo que essa situação vai de encontro com as leis de mercado.
A Coordenação

segunda-feira, 11 de agosto de 2014

V. NOVA: APLB PREPARA DIA DE MOBILIZAÇÃO

                                      
Como definido na última assembleia pelos nossos filiados a APLB Várzea Nova estará nos próximos dias comunicando e convocando a categoria para um dia de paralisação e mobilização pela carreira de todos os nossos servidores. Esse momento estará acontecendo no mês em curso e está dependendo de definições relacionados à programação e à pauta, já que durante esse dia deveremos propor uma agenda de atividades relacionadas à carreira incluindo as demandas locais como a ausência de avanços na carreira e as 20 metas do PNE (Plano Nacional de Educação). Aguardem maiores informações.
A Coordenação.

ANIVERSARIANTES


Nessa terça-feira (12/08) quem estará completando idade nova é o nosso colega professor Cristiano Batista de Morais. PARABÉNS PROFESSOR!! MUITA SAÚDE, PAZ E SUCESSO.
APLB

domingo, 10 de agosto de 2014

SEMINÁRIO EM XIQUE-XIQUE


Com os temas "PNE - Suas conquistas e desafios" e "Plano de Carreira Municipal" esteve acontecendo ontem na cidade de Xique-Xique o II Seminário de Educação, a Delegacia das Orquídeas com sede em Várzea Nova esteve representada pelo seu coordenador e profissionais da educação. O evento contou com representantes de várias cidades de nossa regional e foi um importante momento de debater sobre as 20 Metas do PNE (Plano Nacional de Educação) sancionado pela presidenta Dilma recentemente.
O Seminário nos trouxe informações e experiências que serão socializadas brevemente com nossos filiados. 


DIA DOS PAIS. HOMENAGEM DO LAPEC


FELIZ DIA DOS PAIS!!


quinta-feira, 7 de agosto de 2014

ANIVERSARIANTES


Hoje quem apaga mais uma velinha é a nossa colega Ivanúsia Ferreira Leal Rodrigues. PARABÉNS! MUITA SAÚDE E FELICIDADES.
APLB SINDICATO

quarta-feira, 6 de agosto de 2014

ANIVERSARIANTES


Quem está completando idade nova nessa quarta-feira é nossa colega Valdenice Soares Amorim que exerce suas funções profissionais na Escola da comunidade de Tabúa. PARABÉNS!! MUITA SAÚDE E FELICIDADES.

segunda-feira, 4 de agosto de 2014

Consulta a bibliotecas nas escolas cai com o avanço de séries

O uso das bibliotecas nas escolas cai conforme os alunos avançam de série, de acordo com dados da Prova Brasil 2011, que são os últimos disponíveis. Os registros da prova mostram que 57,4% dos alunos do 5º ano do ensino fundamental da rede pública utilizaram as bibliotecas e salas de leitura sempre ou quase sempre. Entre os alunos do 9º ano, esse percentual caiu para 29,9%.
Os dados foram disponibilizados pelo movimento Todos pela Educação, e podem ser acessados no site do Observatório do PNE [Plano Nacional de Educação]. Foram levados em consideração os questionários aplicados em escolas que ofereciam bibliotecas e salas de leitura à época, equivalentes a 37,9% dos 156.164 estabelecimentos públicos de ensino básico.
Os dados mostram também que entre os alunos do 5º ano, 24,1%, frequentavam esses espaços de vez em quando, e 18,5% o faziam nunca, ou quase nunca. Entre os alunos do 9º ano, esses percentuais aumentaram, respectivamente, para 35% e 35,1%.
“Infelizmente, a gente conclui, com esses dados, que o incentivo à leitura vai caindo ao longo dos anos, e isso é muito ruim”, diz o gerente de Conteúdo do movimento Todos pela Educação e um dos coordenadores do Observatório do PNE, Ricardo Falzetta. Os motivos para essa redução variam, segundo ele, a começar pela falta de espaços de leitura adequados, carência de acervo diversificado e ausência de profissionais qualificados para atender os alunos.
O levantamento mostra que 83,9% das bibliotecas e salas de leitura das escolas consideradas no levantamento tinham acervo diversificado, 14,2% tinham brinquedoteca, havia espaços para estudo coletivo em 56,4% delas e 75,8% dos espaços estavam instalados em lugares arejados e bem iluminados. Além disso, 78% das bibliotecas ou salas de leitura contavam com profissional responsável pelo atendimento aos alunos.
Outro fator apontado por Falzetta é o grande volume de conteúdo passado aos alunos dos anos finais do ensino fundamental e médio. “A questão do currículo, o volume de informações e pontos a serem cumpridos são meio absurdos, é uma quantidade muito grande, falta tempo para fazer uma leitura literária que, de fato, precisa de tempo”, segundo ele.
Estudante do 9º ano, Nathália, de 14 anos, é uma das que sofrem com a falta de tempo. “Eu gosto muito de ler. Quando era menor, lia mais. Hoje tenho mais deveres, mais cursos”, diz. Nathália é aluna do Centro de Ensino Fundamental Cerâmica São Paulo, em São Sebastião, no Distrito Federal, que dispõe de biblioteca e tem um projeto para incentivar o uso do espaço.
A escola tinha uma espécie de depósito de livros, que em 2011 foi reformado. Segundo o vice-diretor, Pedro Romildo Pinheiro, os professores levam os alunos para a biblioteca e sugerem livros. Tanto os estudantes quanto a comunidade podem fazer cadastro no local e alugar as obras. “Percebo uma queda de leitura, mesmo com o incentivo. Os alunos do 6º ano leem mais que os do 9º. Isso vai diminuindo porque aparecem outros incentivos, como celulares, internet, TV, que afastam os alunos dos livros”, acredita o vice-diretor.
A diretora de Educação e Cultura da Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip) Ecofuturo, Christine Fontelles, explica que em um primeiro momento de promoção da leitura nas escolas a criança tem contato com textos literários e, pouco a pouco, isso vai se perdendo quando chega aos anos finais do ensino fundamental – 6º ao 9º ano – e no ensino médio, quando se passa a oferecer ao jovem uma leitura funcional, de modo a que a literatura é pouca e sempre atrelada a tarefas.
Christine ressalta que a leitura é necessária para auxiliar na construção de pensamentos, na inovação e expansão de vocabulário. Segundo ela, a ausência de bibliotecas e espaços de leitura na maior parte das escolas públicas é preocupante, até mesmo porque, segundo o Instituto Pró-Livro, 64% das pessoas que vão a bibliotecas frequentam bibliotecas escolares. Nas escolas em que há esses espaços, há problemas de uso. “Há uma ausência de consciência de que é preciso educar para a leitura”, acrescenta.
O Plano Nacional de Educação estabelece a biblioteca como um dos itens de infraestrutura adequada que devem existir em todas as escolas públicas de educação básica até o fim da vigência da lei, que é de dez anos. Além disso, em 2010 foi aprovada a Lei 12.244, que estabelece a obrigatoriedade de pelo menos um livro por aluno em cada instituição de ensino, tanto de redes públicas como privadas.
O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), autarquia ligada ao Ministério da Educação, diz que o Programa Nacional Biblioteca da Escola oferece livros voltados para cada etapa de ensino a todas as escolas públicas. “O objetivo é oferecer livros de qualidade”, explica Sonia Schwartz, do FNDE. Segundo ela, os livros chegam inclusive onde não há bibliotecas ou salas de leitura. Em 2013, quando foi feita a compra para os anos finais do ensino fundamental, foram adquiridos 10,2 milhões de exemplares por R$ 74 milhões, e os livros distribuídos ao longo do ano para as escolas, em todo o país.
Autor: Agência Brasil

MEC lança portal sobre o Plano Nacional de Educação

Está no ar o portal “Planejando a próxima década – Construindo os Planos de Educação”. Trata-se de uma inciativa do Ministério da Educação (MEC), por meio da Secretaria de Articulação com os Sistemas de Ensino (Sase). O objetivo do portal é fornecer conteúdo para apoiar os diferentes entes federativos no desafio de elaborar os planos estaduais e municipais em consonância com o recém sancionado Plano Nacional de Educação (PNE). O portal foi lançado na manhã desta segunda-feira (4) durante encontro dos Avaliadores Educacionais, em Brasília.
O portal já pode ser acessado. O endereço é: pne.mec.gov.br. As informações estão divididas em blocos. São eles: “Conhecendo o PNE”, “Alinhando os Planos de Educação”, Construindo as Metas” e “Trabalhando juntos”. A ideia é que, por meio deles, estados e municípios tenham subsídios para trabalhar nos respectivos planos.
A Undime junto ao Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), da União Nacional dos Conselhos Municipais de Educação (Uncme), do Fórum Nacional dos Conselhos Estaduais de Educação (FNCE) e do Conselho Nacional de Educação (CNE) contribuiu com o processo de elaboração dos documentos disponíveis no portal.
A presidenta da Undime, Cleuza Repulho, participou da cerimônia de lançamento do portal e ressaltou a importância da aprovação do PNE sem vetos, no que diz respeito à questão do investimento. “Esse é um grande divisor de águas entre aquilo que vínhamos vivendo na educação e aquilo que a gente pode viver e precisa para poder avançar”, disse. Além disso, Cleuza enfatizou a relevância do regime de colaboração entre união, estados e municípios.
O ministro da Educação, José Henrique Paim, também estava presente no lançamento e classificou o momento como um marco na história da educação do país. Para ele, esse PNE representa um reconhecimento em torno da questão de planejamento. “Sem dúvida alguma, a educação vai dar uma lição nesse sentido, porque o formato desse Plano – poucas metas e muitas estratégias – e a necessidade de articulação entre os planos municipais, estaduais e o nacional vai fazer com que tenhamos um país com um verdadeiro alinhamento de planejamento”.

ANIVERSARIANTES...


Nessa terça-feira (05/08) quem estará completando idade nova é a nossa colega Lúcia dos Santos Silva. PARABÉNS, MUITA SAÚDE E PAZ!!

domingo, 3 de agosto de 2014

IMPORTANTE!! EXCURSÃO 2014 E AS ELEIÇÕES

A data da nossa Excursão 2014 para a cidade de Fortaleza estará coincidindo com o Segundo Turno das eleições desse ano em âmbito estadual ou federal, a depender dos resultados do Primeiro Turno. Dessa forma, informamos aos nossos amigos que estarão viajando dia 24/10 que existe a possibilidade de votar em trânsito para presidente e vice-presidente da República. A seguir confira informações do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sobre as datas e o trâmite para que você possa votar em trânsito.

O eleitor que estiver fora do seu domicílio eleitoral no primeiro ou no segundo turno das Eleições 2014 poderá exercer o direito de voto para presidente e vice-presidente da República em seções instaladas para este fim. O interessado deverá habilitar-se em qualquer cartório eleitoral no período de 15 de julho a 21 de agosto, informando o local em que pretende votar.
A habilitação para o voto em trânsito é realizada mediante a apresentação de documento oficial com foto e será admitida apenas para os eleitores que estiverem com situação regular no cadastro eleitoral. Uma vez cadastrado nessa modalidade, o eleitor ficará automaticamente apto a votar no local onde informou que estará no dia do pleito, mas será desabilitado para votar na sua seção de origem. A alteração ou o cancelamento da habilitação poderão ser requeridos até o término do prazo para o pedido.
Novidade
Nestas eleições gerais não só as capitais estarão aptas a oferecer a modalidade de voto em trânsito, mas também os municípios com mais de 200 mil eleitores, totalizando 92 cidades brasileiras. A novidade foi implantada pela Resolução TSE nº 23.399/2013, que dispõe sobre os atos preparatórios para as eleições.
Nas eleições gerais de 2010, essa possibilidade ficou restrita às capitais. Naquele ano, 80.419 eleitores registraram o pedido para votar em trânsito no primeiro turno e 76.458 no segundo turno.
Localidades
Ficará a cargo dos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) registrarem as seções especiais e os locais onde serão instaladas as urnas para o voto em trânsito, nas respectivas capitais dos estados e nos municípios com mais de 200 mil eleitores. A seção destinada à recepção do voto deverá conter no mínimo 50 e no máximo 600 eleitores.
Quando o número mínimo não for atingido, os eleitores habilitados deverão ser informados da impossibilidade de votar por meio dessa modalidade no município por eles indicado. Nesse caso, ficará cancelada a habilitação dos eleitores para votar em trânsito e eles deverão justificar a ausência ou votar na seção de origem.
Confira abaixo a relação dos 92 municípios que deverão dispor das urnas especiais para o voto em trânsito, a depender da quantidade de cadastramento em cada local.

AGENDA DA SEMANA

QUARTA-FEIRA - PLANTÃO NA SEDE (PELA MANHÃ);

QUINTA-FEIRA - REUNIÃO NA SEC. DE EDUCAÇÃO (PELA MANHÃ); PLANTÃO NA SEDE (A TARDE);

SEXTA-FEIRA - PLANTÃO NA SEDE (PELA MANHÃ);

SÁBADO - ENCONTRO DA APLB SINDICATO EM XIQUE-XIQUE (MANHÃ E TARDE);

ANIVERSARIANTES...Glacileide Amorim

Nessa segunda-feira (04/08) quem estará completando idade nova é a nossa colega servidora Glacileide Amorim da Silva. PARABÉNS!! MUITA SAÚDE E PAZ.

sábado, 2 de agosto de 2014

DE VOLTA...ANIVERSARIANTES...

Nessa primeira semana de agosto alguns colegas nossos estarão completando idade nova.
Nesse sábado (02/08) quem está apagando mais uma velinha é a professora Maria Cleide Miranda Carneiro, e nesse domingo (03/08) mais duas professoras apagam mais uma velinha Joeci Alves de Souza e Leovânia Souza Pereira...PARABÉNS PROFESSORAS, MUITA SAÚDE E PAZ!!

quinta-feira, 31 de julho de 2014

SEMANA DE MUITO TRABALHO

Essa semana a nossa agenda de trabalho está lotada, no dia de ontem (quarta-feira) recebemos em nossa sede a nossa Diretora Regional Márcia Fernandes que veio nos trazer informações a respeito das eleições sindicais desse ano que acontece no mês de setembro e de um encontro que acontecerá na cidade de Xique-Xique no próximo dia 09 de agosto. Estivemos também em contato com a APLB estadual para que a solicitação de novas carteiras sindicais fosse atendida o mais rápido possível já que a alguns meses realizamos o pedido, nesse tempo também fomos a campo em busca de novas filiações que vem somar à nossa categoria e ao nosso sindicato. Nessa sexta-feira (01/08) estaremos passando o dia com a Comissão Tripartite que é responsável pela reelaboração de nosso Estatuto, estamos em fase final de análise e, em breve, estaremos socializando com a categoria um novo documento. Nessa quinta-feira também foi dia de começar a montar o roteiro da viagem para Fortaleza, viagem essa que conta com grande maioria de profissionais da educação em nosso município, esposos (as) e filhos, a viagem estará acontecendo entre os dias 23 e 28 de outubro de 2014.

domingo, 27 de julho de 2014

AGENDA DA SEMANA

SEGUNDA E TERÇA-FEIRA - ACOMPANHAR TRABALHO DO JURÍDICO SOBRE A AÇÃO DAS REFERÊNCIAS;

QUARTA-FEIRA - PLANTÃO NA SEDE (PELA MANHÃ);

QUINTA-FEIRA - PLANTÃO NA SEDE (A TARDE); REUNIÃO COM CONSELHEIROS DO FUNDEB;

SEXTA-FEIRA - REUNIÃO COM VERÔNICA SOBRE ESTATUTO (MANHÃ E TARDE);

sexta-feira, 25 de julho de 2014

EXCURSÃO 2014...ESTÁ PERTO! FORTALEZA, AÍ VAMOS NÓS!!

Nessa sexta-feira os organizadores da excursão para Fortaleza realizaram o pagamento de 50% da hospedagem no Hotel Mistral, tratando com a mesma seriedade das últimas duas viagens procuramos cumprir com os prazos para garantir o sucesso da viagem. Dessa forma, cumprimos o pagamento de parte do transporte e da hospedagem. Atualmente não temos vagas, entretanto, à medida que surgirem já temos pretendentes. 

Educação aprova atendimento em creches públicas para crianças de até cinco anos

Proposta adapta o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) ao texto constitucional.
A Comissão de Educação da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 6854/13, do Senado, que estabelece o atendimento obrigatório em creches e pré-escolas públicas de crianças até os cinco anos de idade. A proposta altera o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA – Lei 8.069/90), que hoje possibilita esse serviço até os seis anos.
A relatora, deputada Professora Dorinha Seabra Rezende (DEM-TO), defendeu a aprovação da medida. Ela ressaltou que a mudança do ECA é necessária para adaptá-lo à Emenda Constitucional 53, de 2006, que introduziu o limite etário de cinco anos para a educação infantil, em creche e pré-escola.
Dorinha informou ainda que propostas similares foram aprovadas e incorporadas ao ordenamento jurídico, como a Lei 12.796/13, que alterou a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB – 9.394/96). A norma publicada no ano passado prevê que a educação infantil, primeira etapa da educação básica, destina-se ao desenvolvimento integral de meninos e meninas de até cinco anos, nos aspectos físico, psicológico, intelectual e social.
Tramitação - A proposta, que tramita em caráter conclusivo, será analisada ainda pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania.
Autor: Agência Câmara

quarta-feira, 23 de julho de 2014

ASSEMBLEIA COM CARA E CORPO DE SINDICATO


Assim mesmo como diz o título dessa matéria "Assembleia com cara e corpo de Sindicato" é que podemos definir a nossa reunião geral realizada na manhã dessa quarta-feira. Contando com grande número de professores, coordenadores e demais profissionais da educação e com a nossa advogada a assembleia teve início com a fala do coordenador de nossa delegacia o professor Gedeão Fraga de Morais, entre os assuntos tratados estiveram a necessidade de fortalecimento dos Conselhos Municipais em todas as áreas, e nesse sentido a criação de um espaço do cidadão que sirva de apoio para os conselheiros e desvinculado da gestão municipal, a formação de uma comissão para tratar especificamente de Licença Prêmio,  a adoção de um Dia de Luta no mês de agosto, mês em que nosso sindicato  foi reativado, as eleições da APLB Sindicato a nível estadual, entre outros.
Mas, como tínhamos informado aos servidores, o principal ponto da pauta seria a questão das famigeradas referências que são os nossos avanços horizontais, deixamos claro que todas as tentativas de negociação com a gestão municipal de adequar os avanços tinham sido esgotadas, restando o caminho jurídico e, como proposto em assembleia, uma união de forças da categoria através de manifestações e, se necessário paralisações no sentido de levar o poder público a cumprir com os avanços.
A advogada Rita esteve presente e esclareceu como se deve dar o processo do ponto de vista jurídico deixando claro que a gestão municipal tratou a categoria de maneira subestimada já que chegou a prever o pagamento e adequações, dessa maneira não visualizava outro caminho se não a justiça e a força da categoria. Ficou claro que além das adequações estaremos também requerendo os valores retroativos de cada servidor já que as perdas já vem se arrastando a alguns anos.
Nos próximos dias estaremos nos organizando no sentido de demonstrar a nossa insatisfação de maneira pacífica e legal, entretanto, não faremos nada sem respeitar o que prevê a lei, não perdendo de vista a ação judicial.
Esperamos que a categoria esteja preparada para reivindicar seus direitos não deixando a responsabilidade sobre uma pequena parcela dos colegas.
Agradecemos a presença de cada um, presença que só fortalece nossa luta em busca de dias melhores.

  
 
 
 

sábado, 19 de julho de 2014

ASSEMBLEIA QUARTA-FEIRA

APLB SINDICATO/ NÚCLEO VÁRZEA NOVA

CONVOCAÇÃO


A Coordenação do Núcleo da APLB-Sindicato Várzea Nova, CONVOCA  a todos os profissionais em educação, professores, coordenadores pedagógicos e funcionários de escolas para uma Assembleia Geral na próxima quarta-feira (23/07/14) a partir das 10h no espaço do Centro Educacional João de Souza Oliveira. Na oportunidade estará em pauta: Ação judicial sobre as Referências e o que houver.
 Informamos que a presença de cada um se torna de suma importância por se tratar de ação coletiva, contaremos com a presença da advogada Dr. Rita. 
  Atenciosamente,

A COORDENAÇÃO DA DELEGACIA





sexta-feira, 18 de julho de 2014

V. NOVA: ESCOLA ADJACI CONTINUA SEM AULAS

Imagem meramente ilustrativa
De acordo com a direção da Escola Professora Adjaci Martins Durans a instituição continua sem aulas, paralisadas em apoio à condição dos servidores que prestam serviços ao estado em condição de contratados ou PST (Prestação de Serviço Temporário). Segundo a diretora Noelma há uma expectativa de regularização dos pagamentos que chegam a três meses na próxima segunda-feira, só assim os servidores estarão retornando aos trabalhos. Apoiamos essa causa, esse modelo de terceirização há muito tempo já demonstrou que só serve para explorar a mão-de-obra dos trabalhadores. 
Parabéns aos profissionais que apoiaram a causa dos trabalhadores da educação.
NÃO À TERCEIRIZAÇÃO, CONCURSO JÁ!!

quinta-feira, 17 de julho de 2014

CONSELHO FISCAL ENVIA BALANÇO FINANCEIRO DA V. NOVA PREVIDÊNCIA

RESUMO DA MOVIMENTAÇÃO CONTÁBIL DA CAIXA DE PREVIDÊNCIA
DOS SERVIDORES PÚBLICOS DE VÁRZEA NOVA
FEITO PELO CONSELHO FISCAL
SALDO GERAL DA VÁRZEA NOVA PREVIDÊNCIA EXISTENTE  EM 31/01/2014    R$ 15.160.162,45

MÊS DE REFERÊNCIA - MARÇO/2014
RECEITAS:
Parcelamento                                (32ª parcela)
          14.432,05
Repasses feitos pela Prefeitura Municipal
        137.368,53
Repasses feitos pela Câmara Municipal
                439,96
Contribuições retidas pela Caixa de Previdência
                884,59
Rendimento de Poupança
             9.475,23
Rendimento de Aplicação Bancária
          81.434,56
Total
        244.034,92
DESPESAS:
Pagamento de Aposentados                           
          32.856,90
Pagamento de Pensionistas                             
             9.010,85
Pagamento de Auxilio-doença                         
             4.541,74
Pagamento Diretor
             3.500,00
Despesas Administrativas
          11.904,68
Total
          61.814,17
DISPONIBILIDADES BANCÁRIAS:
Conta corrente                                                 338-3
                817,00
Conta Corrente                                          15.138-6
        136.612,40
Poupança                                                      15.140-8
    2.454.694,62
Aplicação Financeira
  13.243.571,30
Saldo final 31 de Março/2014
  15.835.695,32



RESUMO DA MOVIMENTAÇÃO CONTÁBIL DA CAIXA DE PREVIDÊNCIA
DOS SERVIDORES PÚBLICOS DE VÁRZEA NOVA
FEITO PELO CONSELHO FISCAL

SALDO GERAL DA VÁRZEA NOVA PREVIDÊNCIA  EXIETENTE EM 31/03/2014       R$ 15.835.695,32
MÊS DE REFERÊNCIA - ABRIL/2014
RECEITAS:
Parcelamento                                (34ª parcela)
          14.501,80
Repasses feitos pela Prefeitura Municipal
        149.387,88
Repasses feitos pela Câmara Municipal
                489,28
Contribuições retidas pela Caixa de Previdência
             1.029,64
Rendimento da poupança
             9.580,77
Rendimento de Aplicação Bancária
        165.926,40
Total
        340.915,77
DESPESAS:
Pagamento de Aposentados                           
          32.856,90
Pagamento de Pensionistas                             
             9.010,85
Pagamento de Auxílio-doença                         
             5.860,38
Pagamento Diretor
             3.500,00
Despesas Administrativas
          10.500,00
Total
          61.728,13
DISPONIBILIDADES BANCÁRIAS:
Conta corrente                                                 338-3
                817,00
Conta Corrente                                          15.138-6
        146.292,87
Poupança                                                      15.140-8
    2.464.275,39
Aplicação Financeira
  13.503.497,70
Saldo final 30 de Abril/2014
  16.114.882,96




RESUMO DA MOVIMENTAÇÃO CONTÁBIL DA CAIXA DE PREVIDÊNCIA
DOS SERVIDORES PÚBLICOS DE VÁRZEA NOVA
FEITO PELO CONSELHO FISCAL
SALDO GERAL DA VÁRZEA NOVA PREVIDÊNCIA  EM 30/04/2014
R$ 16.114.882,96

MÊS DE REFERÊNCIA - MAIO/2014
RECEITAS:
Parcelamento                                (35ª parcela)
          14.571,97
Repasses feitos pela Prefeitura Municipal
        147.368,74
Repasses feitos pela Câmara Municipal
                439,96
Contribuições retidas pela Caixa de Previdência
             1.034,47
Rendimento da Poupança
          11.076,88
Rendimento de Aplicação Bancária
        245.669,54
Total
        420.161,56
DESPESAS:
Pagamento de Aposentados                           
          32.856,90
Pagamento de Pensionistas                             
             9.010,85
Pagamento de Auxílio-doença                         
             5.904,30
Pagamento Diretor
             3.500,00
Despesas Administrativas
          11.235,00
Total
          62.507,05
DISPONIBILIDADES BANCÁRIAS:
Conta corrente                                                 338-3
                817,00
Conta Corrente                                          15.138-6
        247.200,96
Poupança                                                      15.140-8
    2.475.352,27
Aplicação Financeira
  13.749.167,24
Saldo final 31 de Maio/2014
  16.472.537,47




RESUMO DA MOVIMENTAÇÃO CONTÁBIL DA CAIXA DE PREVIDÊNCIA
DOS SERVIDORES PÚBLICOS DE VÁRZEA NOVA
FEITO PELO CONSELHO FISCAL

SALDO GERAL DA VÁRZEA NOVA PREVIDÊNCIA  EXISTENTE EM 31/05/2014      R$ 16.472.537,47

MÊS DE REFERÊNCIA - JUNHO/2014
RECEITAS:
Parcelamento                                (36ª parcela)
          14.803,55
*
Repasses feitos pela Prefeitura Municipal
        141.880,88
Repasses feitos pela Câmara Municipal
                439,96
*
Contribuições retidas pela Caixa de Previdência
             1.034,47
*
Rendimento da Poupança
          11.244,29
*
Rendimento de Aplicação Bancária
        129.646,65
*
Total
        299.049,80
DESPESAS:
Pagamento de Aposentados                           
          32.856,90
*
Pagamento de Pensionistas                             
             9.010,85
*
Pagamento de Auxílio-doença                         
             5.524,29
*
Pagamento Diretor
             3.500,00
*
Despesas Administrativas
          11.000,00
*
Total
          61.892,04
DISPONIBILIDADES BANCÁRIAS:
Conta corrente                                                 338-3
                817,00
Conta Corrente                                          15.138-6
        163.467,96
Poupança                                                      15.140-8
    2.486.596,38
Aplicação Financeira
  14.058.813,89
Saldo final 30 de Junho/2014
  16.709.695,23